Home > DOCES E SALGADOS > Economia da América Latina e Caribe deve crescer apenas 0,1% em 2019

DOCES E SALGADOS

12/11/2019 08:40 por Redação

Economia da América Latina e Caribe deve crescer apenas 0,1% em 2019

Tensões comerciais e incertezas globais levam Cepal a cortar projeção; em 2020 o PIB da região pode crescer 1,4%

A Comissão Econômica para a América Latina e o Caribe (Cepal) revisou para baixo as projeções de crescimento da atividade econômica da região para 2019, ano em que se espera uma expansão média de 0,1% na América Latina e no Caribe.

Para 2020, a Cepal projeta que a região continue em um caminho de baixo crescimento, com uma expansão estimada do Produto Interno Bruto de 1,4%. Com isso, seriam sete anos em que a América Latina e o Caribe permaneceriam em um platô de baixo crescimento, que por sua vez se traduziu em uma deterioração dos níveis médios de renda per capita. O PIB per capita da região seria reduzido em 4% entre 2014 e 2019, o que implica uma queda anual média de -0,8%.

A desaceleração do ritmo de crescimento se estende para a maioria das economias da América Latina (17 de 20 países) em 2019. Neste ano, as economias da América do Sul, especializadas na produção de bens primários, especialmente petróleo, minerais e alimentos cairiam -0,2%, a primeira queda desde 2016. Em 2020, espera-se que o crescimento nessa sub-região seja em média, 1,3%.

Para as economias da América Central e do México, espera-se uma taxa de expansão de 0,7% para 2019 e de 1,6% para 2020, valores que implicam uma redução em relação à taxa média de crescimento observada desde 2014 nessa sub-região.

Para o Caribe de língua inglesa ou holandesa, estima-se um crescimento médio de 1,5% para 2019 e a taxa esperada para 2020 é de 5,7%. Esse último número é bastante influenciado pelo alto crescimento esperado para a Guiana, vinculado com o início da produção de petróleo que ocorrerá no próximo ano, assinala a Cepal.

Segundo a agência regional da ONU, a dinâmica da atividade econômica na América Latina e no Caribe ocorre em um contexto em que a economia global reduziu sua contribuição para o crescimento da região em 2019, situação que provavelmente será mantida por o próximo ano.

Atualização das projeções de crescimento da América Latina e Caribe em 2019 e 2020:

CEPAL PIB 2019 2020

'
Enviando